Acabei usando um tênis que não
era o meu número, no princípio
estava tudo bem, parecia confortável.

Depois de algumas horas
comecei a me sentir desconfortável
e quanto mais tempo passava mais
desconfortável ficava, desatei
um pouco nem com isso o
tênis parou de apertar.

Quem olhasse para mim talvez
gostasse do tênis, de como eu
estava vestido, mas só eu
fazia ideia do quanto me
sentia mal e desconfortável.

A pergunta é:
Quantos de vocês já
estiveram nessa condição,
mas no que se refere
a relacionamentos?

Quantos de vocês prezaram
pessoas
que não eram para prezar?

Assim como o ténis,
talvez quem olhasse pra
vocês diriam que formam
um belo casal, mas tu sabes
realmente o que essa
pessoa te faz passar,
tira-te a paz, a tranquilidade,
o sossego,
deixa-te de mau humor,
estressado.

Não é fácil desapegar
aquilo que amamos por
mais tóxico que pareça,
mas por favor, não perca
a sua dignidade prezando
pessoas que te causam
hematomas, entenda que
o que não é para ti?

Não merece os seus cuidados,
se liberte do tênis
(Relacionamentos Tóxicos),
o amor que não te honra,
não merece que você o honre.
Se liberte do tênis.

Nome da Obra: Se liberte do tênis.


Autor(a): HELTON TIVANE JR

Linguagem Artística: Poesia

Categoria: : Categoria 4 (categoria aberta: 18 anos de idade ou mais)

Edição: 2021



Descrição da Obra

O poema apresenta uma história que aconteceu comigo na ida à igreja antes de serem fechadas por conta da pandemia. A missa acabou, saímos; na vinda para casa, de tanto que o tênis apertava, acabei perdendo o foco do que foi dito na igreja. Foi a inspiração para passar esta mensagem aos moçambicanos em minha página. O texto se tornou um poema.